Aubergine
A beleza da natureza 
A planta-ovo, beringela ou aubergine como é chamada em França, é um vegetal super-modelo quando o vê na prateleira. A sua cor púrpura profunda, a sua pele brilhante e a sua forma oval e firme fazem dela um item de fascínio estético.  Infelizmente, a sua beleza é sempre inevitavelmente sacrificada pelo motivo banal de comer. Forno, panela ou frigideira – em minutos toda a sua beleza se dissolve em algo mole e amassado.  Mas os seus convidados não irão deplorar o desrespeito pela beleza da natureza, desde que os conforte com uma receita realmente criativa.
 
Deve lembrar-se disto  
Uma beringela crua pode ser imprópria para consumo. Como membro da família das solanáceas este bonito vegetal ostenta um vestígio de um veneno chamado solanina, quando não estão bem maduras e não são cozinhadas. Assim, por favor, nunca a use crua para uma salada. De qualquer modo, poderá não acrescentar muito sabor, uma vez que o principal impacto da beringela no paladar é um ligeiro sabor amargo.  Mas as beringelas são altamente adaptáveis e ficam muito bem com um molho, no meio de uma moussaka, humilhando-se num papel secundário num ratatouille ou terminando gratamente a sua existência num chutney ou numa pasta. Os acessórios batedor e picador da Minipimer 5 da Braun irão ajudá-lo muito em todos estes trabalhos.
 
Sabe tão bem  
Encontra a beringela desde a cozinha Japonesa à cozinha Espanhola. É muito comum na cozinha Mediterrânica uma vez que a planta precisa de temperaturas quentes para crescer. É por isso que a maioria das receitas conhecidas foram descobertas em regiões quentes do mundo.  Na Índia, as beringelas aparecem frequentemente em chutneys e caril. Famosa na Arábia, mas também em vários outros países em todo o Mediterrâneo, é uma pasta deliciosa chamada Baba Ganoush. É uma pasta feita da polpa de beringelas torradas misturadas com alho, sumo de limão, azeite - e talvez algumas ervas que deseje colocar na sua Minipimer 5 da Braun. O resultado é utilizável como uma pasta para vegetais, como o recheio de uma sanduíche, ou espalhar em pão pita. 

Deixe-as suar  
Muitas receitas colocaram as beringelas em contacto directo com o azeite, por exemplo o famoso Melanzane alla Parmigiana (beringela à parmegiana). Em geral, corte fatias de beringelas e frite-as numa frigideira com queijo parmesão.  Mas há um truque para esta simples receita: deve salpicar algum sal sobre as fatias e deixá-las suar durante cerca de 20 minutos antes de retirar novamente o sal. Isto retira alguma da água, modera o sabor amargo e reduz a capacidade da beringela de impregnar o azeite utilizado.